Aminoácidos

O que são aminoácidos?

Os aminoácidos são moléculas orgânicas, formadas por um grupo carboxilo, um grupo amino e uma cadeia lateral ligada a um carbono central. As diferenças funcionais entre os aminoácidos residem na estrutura das suas cadeias laterais.

Os aminoácidos são classificados da seguinte forma:

  • Aminoácidos essenciais - Não podem ser sintetizados pelo organismo e só podem ser obtidos através da alimentação ou suplementação. São nove, no total: fenilalanina, triptofano, valina, treonina, lisina, leucina, isoleucina, metionina e histidina.
  • Aminoácidos condicionalmente essenciais - São produzidos no organismo a partir de outros aminoácidos. No entanto, em caso de doença ou condições fisiologicamente stressantes, a sua síntese pode não ser suficiente, tendo de ser obtidos a partir da alimentação ou suplementação. A glutamina, a prolina, a arginina, a glicina, a tirosina e a cisteína são consideradas aminoácidos condicionalmente essenciais.
  • Aminoácidos não essenciais - Esta categoria reúne os aminoácidos que são sintetizados pelo organismo, tais como alanina, asparagina, ácido aspártico ou aspartato, ácido glutâmico ou glutamato e serina.

Ações positivas dos aminoácidos relatadas em estudos científicos:

  • Fornecimento das moléculas base necessárias à biossíntese das proteínas
  • Estimulação da síntese proteica muscular nos adultos, no caso da leucina

Referências

Moro T et al. Amino Acid Sensing in Skeletal Muscle, Trends Endocrinol Metab. 2016 Nov;27(11):796-806. doi: 10.1016/j.tem.2016.06.010.

Belitz H.D. et al. (2009). Food Chemistry "1 Amino Acids, Peptides, Proteins", 4th revised and extended Edition, 8-9.

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação e para fins estatísticos. Ao visitar o site, está a consentir a sua utilização. Para mais informações sobre os cookies utilizados, respetiva gestão ou desativação neste dispositivo, clique aqui.